CENTRO UNIVERSITÁRIO SERRA DOS ÓRGÃOS




Pesquisas experimentais e produções acadêmicas como aliados do conhecimento para futuros médicos

18-06-2020

Fontes de estudo são os recursos didáticos que auxiliam na aprendizagem, facilitando, incentivado ou possibilitando o estudante a ampliar o seu conhecimento. Estudantes de Medicina têm a necessidade de construir seu conhecimento buscando, diariamente, informações em fontes diversificadas, como nas atividades curriculares práticas e teóricas, como também na investigação científica.  

Por isso, o Centro Universitário Serra dos Órgãos (Unifeso) incentiva a pesquisa e a divulgação da ciência, contando com congressos, jornadas, periódicos de revistas científicas e também uma infraestrutura de laboratórios para pesquisa experimental. 



Instrutoria de Pesquisa Experimental 

Recentemente, em 2018, o Unifeso inseriu na grade curricular do curso de Medicina a Instrutoria de Pesquisa Experimental. A disciplina passou a ser ministrada, no Laboratório de Ciência Animal, localizado no Campus Quinta do Paraíso. “O Laboratório atende às normas e protocolos de Biossegurança e prioriza o uso ético de ratos da linhagem Wistar. No campo didático-pedagógico, os alunos são incentivados a desenvolver projetos de pesquisa, e submetê-los à Comissão de Ética no Uso de Animais (CEUA). Desse modo, o Unifeso vem participando ativamente de eventos acadêmicos-científicos regionais e nacionais, tais como o Cemed, Confeso, Cobem e Fiocruz, totalizando 45 trabalhos, 22  publicações científicas e 7 prêmios, o que envolveu a participação de 180 discentes e colaboradores. Atualmente o Laboratório desenvolve três projetos contemplados com bolsa estudantil pelo Plano de Iniciação Científica e Pesquisa (PICPq), na área de Biologia Celular e Molecular em Cirurgia, abrangendo temas como transplante autólogo de tireoide e pancreatite experimental”, conta o professor Marcel Vasconcellos, do curso de Medicina. 



Publicações na Editora Unifeso 

As pesquisas e produções acadêmicas do curso têm sido um grande diferencial para estudantes. Esse valioso material, produzido pelos estudantes e acompanhado por seus professores, tem um espaço especial para ser publicado e colocado à disposição de outros estudantes e pesquisadores: a Editora Unifeso. Lá, é possível encontrar as produções científicas em diversas áreas, através de anais, cadernos, séries. Entre eles estão os anais do Congresso Acadêmico-Científico do Unifeso (Confeso), das Jornadas Científicas do Internato do Curso de Medicina; do Congresso dos Estudantes de Medicina, e das Jornadas de Pesquisa e Iniciação Científica do (JOPIC); por exemplo; periódicos como Revista da Faculdade de Medicina de Teresópolis, a Revista Cadernos da Medicina e a Revista de Medicina da Família e Saúde Mental; além de livros como Caminhos da Bioética; Relatos de Prática; Educação Permanente em Saúde: Experiências na Escola, Serviços e Gestão; Clínica Cirúrgica para o Generalista; Descomplicando a Elaboração de um artigo Científico; e Medicina com Artes.



Ainda há tempo de se tornar MedTerê

Para quem quer começar o curso de Medicina ainda neste ano, é bom saber que o Unifeso adotou novas datas para o Vestibular de Medicina 2020.2 e ampliou a chance de ingresso pelo Enem. Faça aqui a sua inscrição.

A extensão das datas previstas no cronograma do Vestibular de Medicina, para ingresso no segundo semestre de 2020, foi devido ao cenário de pandemia do novo coronavírus. Para o Vestibular, as inscrições foram estendidas para o dia 16 de julho, e a data da prova passou para o dia 26 de julho. Já para ingresso através do resultado obtido pelo candidato no Enem, serão aceitas, excepcionalmente, as notas do Enem das edições de 2009 a 2019, de forma a permitir que mais candidatos possam pleitear esse tipo de vaga. O prazo para o registro de interesse no aproveitamento do resultado do Enem também tem foi estendido, dando a oportunidade dos candidatos se inscreverem até 29 de junho. Saiba mais aqui.





Por Giovana Campos

Outras Notícias





Atendimento On-line